Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Acertos de uma Miúda

"I felt in love for a whisper, a demon, a torment. I felt in love for a madness."

Eu (ainda) penso em ti

Não podes ter noção do que é dormir a pensar em ti e acordar a pensar em ti também. Como se já não bastasse a vergonha que sinto quando estás por perto, o meu coração tem também de acelerar sempre que falamos. Todas as músicas me lembram de ti, sem pedirem qualquer recordação antiga. Não são só os meus olhos que te veem, mesmo quando não estás presente; a minha cabeça também te idealiza sempre que tira um descanso. Eu vivo a falar o teu nome, sem que eu mesma dê por isso. Eu quero poder arrancar-te um sorriso, apesar de já o ter feito. Eu quero poder dizer-te que gosto de ti.

2 comentários

Comentar post